Rota do reparador - Caique Silva

Rota do Reparador amplia sua jornada pelo Brasil em mais 8 estados

Escolas dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Mato Grosso e Bahia receberam reparadores para as palestras das marcas Nakata, Mann Hummel, Chiptronic, Delphi, Schaeffler, Elring e Shell

O Rota do Reparador prosseguiu sua caminhada, dando continuidade ao ciclo de palestras com as Escolas Senai. Confira como foram as palestras da Nakata, Mann Hummel, Chiptronic, Delphi, Schaeffler, Elring e Shell:

ARARAQUARA

O treinamento de Araraquara, interior de São Paulo, aconteceu no dia 1 de junho e contou com as palestras da Nakata e da Mann Hummel. O reparador José Maria Pereira, da Maquininhas Mecânica, contou que foi muito importante participar do treinamento: “foi muito importante a participação, pois a gente não teria tanto conhecimento se não estivesse aqui. Quero participar das próximas edições e ainda indicar para mais colegas”, disse. O profissional ainda concluiu: “se fosse para melhorar o programa, eu acho que poderia colocar a parte elétrica no meio, porque hoje os veículos em sua maior parte possuem muitas partes eletrônicas, então seria interessante”. José Maria ainda alertou sobre a necessidade de levar uma das palestras do Rota do Reparador para sua cidade, Matão: “eu gostaria dessa palestra em Matão, porque lá nós temos muitos mecânicos. Para se deslocar de Matão para Araraquara dificulta um pouco por causa do horário e do trânsito. Lá inclusive já tem uma escola do Senai e muitas oficinas mecânicas, com certeza daria um número muito bom para assistir as palestras.”

Lucio Renan, da BR Pneus Centro Automotivo, contou que treinamentos como o Rota do Reparador fazem toda a diferença para os profissionais da área: “agrega conhecimento, estratégia de venda e marketing, é muito bom. Fiquei muito satisfeito com as marcas que se apresentaram aqui hoje.”

O profissional Mitsuo Shimura, que trabalha na Pneu Mania, resumiu: “a gente acaba adquirindo experiência, tirando muitas dúvidas, de coisas que acontecem no dia-a-dia de coisas que a gente faz muitas vezes sem conhecer. Então se você conhecer melhor o produto, consegue trabalhar com mais confiança.”

PRESIDENTE PRUDENTE

Também no dia 1 de junho foi a vez do Senai de Presidente Prudente, no interior de São Paulo, receber o ciclo de palestras do Rota do Reparador com as marcas Chiptronic e Delphi. O palestrante da primeira marca, Bruno Reis, falou sobre a importância da empresa promover uma das palestras do ciclo: “para nós é muito importante, porque estamos vendo muita evolução nos veículos, inclusive estudando mais sobre os veículos elétricos para trazer informações também. É como se fosse um medidor de mercado, para sabermos onde está sendo a maior dificuldade, onde falta uma orientação mais técnica e desenvolver nossos cursos e equipamentos.”

Pedro Valencio, palestrante da Delphi, também falou sobre a participação no Rota do Reparador como empresa: “nós temos a possibilidade de passar muitas informações para os aplicadores, para que eles utilizem nossos produtos da melhor maneira possível”.

O reparador Anderson Bizi, da Auto Mecânica Sorriso, ressaltou que o rota do Reparador é um grande evento do setor e aproveitou para parabenizar os organizadores. O profissional ainda concluiu: “é um evento que sempre faz falta, pois todos nós, profissionais da área no segmento, precisamos estar atualizados e nos reciclar diariamente.”

Leandro Sanches Cardoso, da Power Tech Automotive, disse: “é sempre bom estar adquirindo conhecimento. Cada palestra que a gente vai aprende sempre um pouco mais. Esse tipo de evento faz falta para o segmento e tem que ter cada vez mais.”

O profissional Renato Ribeiro, da Speed Car Auto Mecânica elogiou muito o evento, além de agradecer pela oportunidade: “foi mais uma oportunidade que nós tivemos aqui de estar aperfeiçoando nosso conhecimento, além de fazer novas amizades e aprender sobre novas tecnologias. Quero agradecer ao pessoal que veio nos ministrar essa palestra e dizer que é de grande valia, apesar de serem poucas horas. É a única oportunidade que temos de ter o contato com as grandes indústrias e montadoras.”

BELO HORIZONTE

No dia 6 de junho aconteceu a palestra em Belo Horizonte, Minas Gerais e contou com palestra da Schaeffler. O palestrante Aloysio Junior, afirmou que é sempre importante difundir conhecimento o público reparador: “na data de hoje, nós tivemos algo em torno de 200 pessoas participando. É muito gratificante para nós como empresa ver que o público jovem, o futuro do segmento, como os alunos do Senai, estão compreendendo tudo aquilo que está sendo falado.”

O reparador da Top Lub, Adilson Alves Macedo, afirmou: “foi muito importante participar do evento, pois nós não temos muito incentivo e isso ajuda muito a incentivar, além de ter conhecimento sobre essas marcas que se apresentaram.”

Ícaro Martins da Cunha, reparador da Rogerio Motors 4x4, garantiu estar muito satisfeito com a edição do Rota do Reparador: “é um evento que faz muita falta para o profissional e nos aproxima das grandes marcas do mercado e das novas tecnologias. O conteúdo foi muito interessante, o palestrante tem muito conhecimento técnico.”

BAURU

No dia 8 de abril foi a vez do Senai João Martins Coube, em Bauru, no interior de São Paulo, receber o ciclo de palestras do Rota do Reparador com as marcas Delphi e Chiptronic. O reparador Alcides Santos, da Mecânica Savati, ressaltou que o rota do Reparador é um evento muito importante no segmento: “é de interesse de todos os profissionais terem um pouco mais de conhecimento. Pretendo participar das próximas edições, pois fiquei muito satisfeito com o conteúdo e também com as marcas.”

Vitor Dias, profissional da Milani Auto Service, disse: “foi importante participar do evento para aperfeiçoar cada vez mais nosso conhecimento. Tem pouca comunicação no segmento, principalmente sobre as novidades. Já conhecia a Delphi, uma marca muito boa e a Chiptronic conheci hoje, mas é uma marca que vai crescer muito no ramo de eletrônica.”

RIO GRANDE DO SUL

Também no dia 8 de abril, foi a vez do Senai Mecatrônica, em Caxias do Sul-RS, receber as palestras do Rota do Reparador, contando com instrução da Schaeffler.

O Palestrante André Binkowski falou sobre a importância da palestra para a empresa: “Para a Schaeffler é uma oportunidade ímpar de levar informação que acumulamos de nossos atendimentos a campo direto ao aplicador. Hoje a informação é tão importante quanto o conhecimento técnico.”, completa Binkowski.

SANTA CATARINA

Também no sul, na noite de 13 de junho, a cidade de Blumenau recebeu o Rota do Reparador com treinamento da Elring.

O profissional da Auto Mecânica Paraná Diesel, Cesar Alexandre, falou sobre a falta que faz eventos como o Rota para o reparador independente: “é difícil a gente ver evento assim. Até gostei que eles entraram em comunicação comigo para ter a oportunidade de vir aqui.”

O reparador Erlon, da IOS, contou: “nós estamos precários no quesito de informações como as que foram passadas hoje pra gente, o que torna o evento muito importante. Com certeza participarei de novos eventos, afinal teve muita clareza nas informações, foi atingido o objetivo da palestra.”

Roberto Carlos, da oficina Beto Auto Peças, se deslocou da cidade de Navegantes para Blumenau e deixou evidente que não se arrependeu: “a palestra traz informações muito importantes, que ajudam todos os reparadores no dia-a-dia. Foi tudo muito bem explicado.”

RIO DE JANEIRO

Também no dia 13 de junho, a cidade do Rio de Janeiro recebeu o ciclo de palestras do Rota do Reparador, mais especificamente no Senai da Tijuca com a orientação da Shell.

Fábio Moraes, profissional da Ultracar e palestrante da Shell, falou sobre a importância da participação da empresa no Rota do Reparador: “é extremamente importante como empresa participar do evento, porque a gente consegue criar proximidade com as pessoas que estão vindo, que são donos de oficinas, funcionários, todos eles com vontade de fazer alguma coisa diferente acontecer em seus estabelecimentos. Então eles deixam a empresa deles, deixam de estar com a família para estar aqui tentando aprender e aproveitar alguma coisa. Isso para nós é extremamente gratificante, tanto como empresa quanto como pessoa.” Fábio ainda falou especificamente sobre o projeto da Shell no Rota do Reparador: “o projeto tem uma característica essencial para os donos de oficinas nos dias de hoje, que é mostrar para eles a necessidade de deixarem de ser reparadores para virarem empresários. O mercado hoje está exigindo que isso aconteça. Quem é dono de oficina e é só reparador, a oficina está com os dias contados. É necessário cuidar da gestão, de forma com que ele deixe de ficar 100% do tempo no pátio da oficina e comece e estudar os indicadores, os números. É preciso cuidar da gestão fiscal, financeira e de pessoas, transformando seus funcionários em equipe, além da gestão empresarial e de estoque.”

Anderson Alves, da RD Car Imports, afirmou: “é sempre muito importante eventos como esse e apoio que essas ideias continuem. Muita informação técnica foi passada aqui, o que é sempre útil. Foram duas palestras muito bem explicadas e instrutivas.”

O profissional da CR Auto Mecânica, Bruno de Souza e Silva, classificou o Rota do Reparador como muito importante e essencial para o desenvolvimento do segmento: “a cada dois, três meses chegam novas tecnologias, carros com essas tecnologias nas oficinas, então o evento é muito bom para estarmos sempre por dentro de tudo. Fiquei muito satisfeito com os novos conhecimentos e irei participar de todas as novas edições.”

Carlos Ribeiro, da JC Car Auto Center, se mostrou muito satisfeito: “o evento foi muito importante, pois agrega muitos conhecimentos. São poucas as oportunidades para o reparador independente como essa que está sendo aberta para a gente. Com certeza vou participar das próximas edições.”

PERNAMBUCO

Ainda no dia 13 de junho, aconteceu o evento do Rota do Reparador, mas em Recife. Lá esteve presente a marca Scheffler.

O profissional da reparação Alexandre Pereira, da Mar Peças, afirmou: “a cada palestra que eu venho, é como se fosse um recomeço. Há sempre algo a aprender, uma dica, um novo conhecimento, uma explanação de um assunto que estava adormecido e precisava ser abordado de tal forma.” Alexandre ainda concluiu: “A partir do momento que o reparador não se vê mais como mecânico, mas sim um médico automotivo, ele sente necessidade de participar de palestras para se atualizar a cada dia que passa. O mundo está evoluindo, assim como o setor mecânico.”

Darcio Reis, consultor da Import Peças, também esteve presente e falou sobre a importância do evento: “existe um costume muito grande no segmento de querer aprender a prática antes da teoria, mas na verdade a prática é apenas um complemento daquilo que se aprende teoricamente. Então, o evento é fator importantíssimo para aqueles que desejam aplicar aquilo que foi passado aqui em seu dia-a-dia.”

Também em Pernambuco, mas dessa vez no dia 22 de junho, aconteceu o treinamento da Shell. Diogo Tosetto, reparador da FlexbiMec Brasil, falou sobre a contribuição que o evento traz para o segmento da reparação independente: “as palestras foram muito úteis e contribuem para a melhoria e o aumento do conhecimento de todo o pessoal.”

Representando a Motegi Autoservice, Tarcísio de Assis mostrou estar muito satisfeito com a participação no evento: “é um momento, uma oportunidade de reciclar alguns conhecimentos que já tínhamos e poderíamos até mesmo ter esquecido e também aprender novos conceitos para aplicar no contexto atual do mercado.”

VÁRZEA GRANDE

A cidade de Vázea Grande, no Mato Grosso, recebeu o Rota do Reparador no dia 22 de junho com treinamento da Schaeffler. O profissional da Tecno Reparação Automotiva, Adib Abraão, resumiu: “hoje a gente vive também através de informação. Algumas técnicas com relação à pirataria, que foi passada hoje, muitos reparadores acabam não dando atenção e acham que estão colocando uma peça de qualidade original, mas é uma peça de segunda linha, que não pode ter confiança.”

Danilson Ksiazeke, da Auto Center Escapamento Escauto, falou sobre a necessidade do reparador estar sempre atualizado: “é sempre importante estar aprimorando o conhecimento e cada vez que alguém divulga uma novidade no mercado, é bom estar atento.”

Representando a Escape Auto Center, o profissional Ibraim Marcos disse: “foi muito importante participar do evento pela qualificação profissional e na aprendizagem de muitas coisas que a gente vem obtendo no dia-a-dia. A gente nunca sabe demais, temos que estar sempre buscando novos meios de aprendizados. Essa já é a quarta vez que participo do evento do Rota do Reparador e pretendo participar de mais.”

BAHIA

Para finalizar os treinamentos do Rota do Reparador do mês de junho, o Senai Fernando Costa D’Almeida, em Vitória da Conquista, recebeu os treinamentos da Elring, com tecnologia de juntas e retentores, também na noite de 22 de junho.

Luan Dias, reparador da Auto Fagundes, resumiu: “para mim fez muita diferença saber ainda mais sobre a tecnologia envolvida no desenvolvimento dos produtos. Eventos como esse fazem muita falta, pois sofremos muito com a falta de informações.”

O profissional do aftermarket Valdete de Brito, da oficina Delmiro Auto Peças, falou sobre a experiência: “deveríamos ter cada vez mais eventos como esse, é muito importante para o reparador individual, que muitas vezes não tem disponibilidade para procurar treinamentos caros e em horário de trabalho.”

comentários
Avaliar:

Comentários