Loja do Mecânico 960x90


Rota do reparador - Da Redação

Ciclo de palestras do Rota do Reparador inaugura nova jornada por todo o Brasil e leva palestras técnicas para as Escolas SENAI em Porto Alegre, Ribeirão Preto, Cuiabá, Vila Leopoldina, Vitória, Belém e Ponta Grossa

Escolas dos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Espírito Santo, Pará e Paraná receberam reparadores para as palestras das marcas Elring, Mobil, Snap-on e Schaeffler. Os reparadores puderam interagir com os palestrantes e tirar dúvidas

O ciclo de palestras técnicas do Rota do Reparador prosseguiu sua jornada, dando continuidade à segunda etapa com as Escolas Senai de Porto Alegre (RS), Ribeirão Pretro (SP), Cuiabá (MT), Vila Leopoldina (SP), Vitória (ES), Belém (PA) e Ponta Grossa (PR). Confira como foram as palestras da Mobil, Sun, Schaeffler e Elring:

Porto Alegre

A escola Senai Automotivo, na capital do Rio Grande do Sul, recebeu o ciclo de palestras do Rota do Reparador no dia 2 de agosto em noite com apresentação das marcas Elring e Mobil. Pela primeira vez no estado os reparadores puderam receber os treinamentos e atualizções proporcionados pelas marcas que apoiam o Rota do Reparador. O profissional da reparação independente Augusto Regoso afirmou que no Rio Grande do Sul esse tipo de evento faz muita falta: “foi bom ter vindo aqui para aprimorar o meu trabalho e o conhecimento. Muitos produtos no mercado nós ainda não sabemos como é a aplicação ideal, por isso é excelente essa iniciativa.” O reparador reclamou: “o povo gaúcho ainda está muito isolado dessas informações, por isso mais empresas deveriam vir para cá e nos passar informações técnicas. Desde lubrificantes e aditivos até funilaria”, disse Augusto.

SENAI Porto Alegre
Marcos Diogo Freitas, que trabalha na oficina Space Motos, concorda com a visão de Regoso e adiciona: “conhecimento nunca é demais para o reparador independente”, afirma o profissional que sabe quão deficiente são as informações para o setor de motocicletas no país. “O conteúdo aqui apresentado foi muito interessante e participarei aqui nas próximas edições. Achei tudo muito bom e gostaria de ver mais informações sobre filtros de ar e óleo e sobre transmissão de motocicletas”, argumentou Marcos Freitas.

Paulo Sérgio Marchioro, da Oficina Mecânica Marchioro, contou que é raro ter treinamentos na região: “aqui no sul é difícil ter esse tipo de palestra. Por isso a gente aproveita e quer participar quando há. Mais informações técnicas seria importante, principalmente sobre os detalhes da aplicacação e dos produtos”, finalizou.

Ribeirão Preto

O Senai de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, abriu espaço para o Rota do Reparador no dia 9 de agosto e a palestrante foi a Schaeffler. Carlos Ciabata está aposentado mas ainda auxilia os amigos com conhecimento que adquiriu: “eu gosto de participar das palestras para poder ajudar. Gostei muito e espero participar das próximas, pois essas palestras fazem falta para os reparadores independentes”, comenta.

SENAI Ribeirão Preto
Eduardo Vasconcelos, da Caribe Serviços e Comércio de Peças, contou que foi bastante importante comparecer ao treinamento: “rolamentos são itens importantes que nós precisamos saber como trabalhar com eles, então foi fundamental vir ao Rota do Reparador hoje. E eu já aplico peças da marca nos veículos que reparo, são produtos muito bons!”

O reparador Fernando Guiroto, da MJJ Autopeças, afirmou: “foi muito importante participar do Rota do Reparador e com certeza estarei presente nas próximas edições. Eu gostaria de ver um pouco mais de informações sobre os veículos com motor com três cilindros, que são novidade no mercado.”

Cuiabá

A Escola Senai de Cuiabá, no Mato Grosso, recebeu os treinamentos das marcas Mobil e Elring no dia 16 de agosto. Antonio Marcos Dias, da Eletricar Centro Automotivo, contou: “sempre que eu posso eu estou presente nesses treinamentos e estes de hoje foram essenciais. Eu fiquei muito satisfeito com as marcas e o conteúdo presente. A única ressalva que faço é quanto ao tempo, que achei curto para a quantidade de informações”, comentou.

SENAI Cuiabá
Já Jean Carlos Garbin, do Auto Posto Araras, colaborou com a opinião de Dias: “fiquei satisfeito com as marcas e adquirimos diversos conhecimentos. Mas acredito que o tempo foi suficiente”, afirmou o reparador.

Vila Leopoldina

A Escola Senai Mariano Ferraz, na zona oeste de São Paulo, teve palestra da Schaeffler no dia 18 de agosto. O reparador Diego Augusto, da Victoria Motor Racing, foi um dos profissionais que recebeu o treinamento. Ele elogiou a estrutura: “deu para esclarecer muitas questões e dessa forma muitos erros que cometíamos na oficina agora não acontecerão mais. Gostei bastante e deveríamos ter mais palestras dessas para o setor. Eu só gostaria que houvesse mais tempo para adquirirmos mais conhecimentos”, comentou.

SENAI Vila Leopoldina
Edson Saraiva, da Automecânica Saraiva, disse que é possível crescer profissionalmente com o treinamento: “essas informações nos levam a desenvolver um ótimo trabalho. Com certeza estarei sempre presente em todas as etadas do Rota do Reparador. Tive muitas informações que eu não conhecia, sobre o desenvolvimento de embreagens, por exemplo”, comentou o profissional.

O reparador Fabio Gomes, que trabalha no Centro Automotivo Danimar, concordou com a opinião dos colegas citados acima e acrescentou: “treinamentos como esse fazem falta para nós reparadores, porque há dúvidas durante a execução de alguns serviços. Eu fiquei feliz em saber que podemos contar com a qualidade dessas marcas e com esses instrutores profissionais”, finalizou.

O profissional Rodolfo Fernandes, que também trabalha na Victoria Motor Racing, além de enxergar a importância da palestra, comentou: “foi ótimo do ponto de vista técnico e gostei muito do atendimento, tanto na recepção quanto na hora de tirar dúvidas com o palestrante. Isso é muito importante porque no dia a dia precisamos tirar dúvidas, o que muitas vezes acaba não acontecendo por conta da falta de eventos como este.” concluiu.

Vitória

O ciclo de palestras do Rota do Reparador continuou a sua jornada pelo Espírito Santo, na capital Vitória, no dia 23 de agosto e o Senai da cidade recebeu o treinamento da marca Snap On e seus produtos de diagnóstico Sun. O profissional Fabiano Ferrira, que trabalha na Oficina Mecânica Autoclube, afirmou: “eu vim porque esses treinamentos fazem falta para nós. Eu queria que tivesse mais tempo durante as palestras”, comentou.

Jaderson dos Santos, dono da SR Automotivo, falou: “nosso setor carece de informação, por isso é muito importante comparecer a esses treinamentos. Estarei presente nas próximas e gostei de tudo. Nós recebemos informações tanto na palestra quanto nos informativos que ganhamos, então está tudo excelente.”

O profissional Marcelo Thomas da Silva, proprietário da Auto Center Thomas, contou que foi necessário participar da palestra porque eventos como o Rota do Reparador fazem falta: “existem muitas pessoas que não têm conhecimento do básico, mas creio que agora, com esses treinamentos, essa situação comece a melhorar”, finalizou.

São José do Rio Preto

A Escola Senai Antonio Devisate, em São José do Rio Preto, teve o treinamento da Rota do Reparador no dia 25 de agosto com a presença de mais de 160 reparadores independentes. As palestras foram sobre as marcas INA e FAG. O profissional da Autopeças Furlan, Anderson José, afirmou que o Rota do Reparador é muito importante para os reparadores: “aprendi muitas dicas para poder explicar o meu trabalho para os meus clientes.” Além de ficar satisfeito com o conteúdo apresentado, Anderson José sugeriu que houvesse palestras sobre diferenciais para abranger os veículos comerciais leves, como as picapes.

SENAI São José do Rio Preto
José Augusto Pinto, da Autopeças Chevron, concordou com a visão de Anderson: “achei bastante interessante e com certeza estarei aqui nas próximas edições”. Marcio Leandro Dela Colecta, da Automecânica Colecta, comentou sobre um problema que os reparadores enfrentam: “conhecimento é fundamental para evitar as peças de reposição falsificadas que aparecem no mercado. Por isso a palestra de hoje ajudou bastante a esclarecer esse assunto sério. Por essa razão eu vou voltar nas próximas edições”, finalizou.

 

comentários
Avaliar:

Comentários