Rota do reparador - Caique Silva

Após completar 2 anos, Programa Rota do Reparador dá continuidade ao ciclo de treinamentos em Dourados, Porto Alegre, Curitiba, Vitória, Porto Velho, Belo Horizonte e mais 3 cidades

As nove escolas que foram palco dos treinamentos no mês de setembro tiveram a oportunidade de receber os reparadores independentes para as palestras das marcas Elring, Tecnomotor, Shell, Schaeffler, Delphi, Mann Hummel, Nakata e Chiptronic

No mês seguinte da data significativa de dois anos de presença no mercado da reparação automotiva, o Programa Rota do Reparador teve continuidade ao seu ciclo, levando conhecimento e informação aos profissionais do setor nas escolas Senai. Confira como foram as palestras:

DOURADOS

A primeira palestra do ciclo do Rota do Reparador no mês de setembro aconteceu no dia 5, em Dourados, no Mato Grosso do Sul, com as participações da Elring e da Tecnomotor, levando informações e seus portfólios aos reparadores independentes.
Segundo o reparador Wellington Caetano de Santi, o Programa auxilia muito no aprendizado do profissional: “estamos sempre aprendendo muito com os palestrantes, e isso é importante para nossa carreira profissional”.

SENAI Dourados

Vanilto Miranda Brito, outro reparador que esteve presente no treinamento da Elring e da Tecnomotor, citou a importância do profissional estar sempre atualizado: “o conteúdo apresentado é muito bom, auxilia demais na inovação dos conhecimentos, ainda mais porque nós utilizamos essas tecnologias no dia a dia”. Vanilto ainda solicitou que ocorra mais vezes eventos desse tipo na região, segundo ele: “muito carente de informações técnicas desse tipo”.

PORTO ALEGRE

No mesmo dia 5, em Porto Alegre, aconteceu mais uma edição do Programa Rota do Reparador. A Shell foi a palestrante da vez e contou com a presença maciça dos reparadores da região. Entre os presentes esteve André Felipe Rodrigues, profissional da Racing Car, que classificou o treinamento da Shell Helix como muito produtivo: “esse tipo de treinamento ajuda muito o profissional da área. É sempre bom estar aprendendo cada vez mais. Inclusive eu até convidei quatro colegas para fazer o treinamento junto para implantarmos tudo o que for aprendido na oficina”. Sobre o uso do aprendizado obtido para o seu dia-a-dia, André foi bem direto: “começo amanhã mesmo”.

SENAI Porto Alegre

Assim como o colega, o reparador Henrique Rodrigues, da Expresso Car, se mostrou muito satisfeito com a palestra da Shell e afirmou que irá usar todo o aprendizado imediatamente em sua rotina: “foi um treinamento muito bem explicado, principalmente a respeito da troca de óleo, que é muito importante hoje em dia. Pretendo estar aqui novamente nos próximos eventos”.
Julio Cesar Rockenbach Dias, da Auto Elétrica Rockenbach, também falou sobre o treinamento da Shel Helix: “achei muito bom, completo e o instrutor muito esclarecedor. Apesar do cansaço, a interatividade dele não deixou faltar atenção de ninguém, gostei muito.” Julio ainda citou a importância da palestra para o reparador no geral: “tem muitas dúvidas sobre combustível e óleo que a gente precisa de um esclarecimento, ainda mais com as tecnologias modernas nos automóveis. O evento serviu como um grande complemento daquilo que eu já sabia sobre o assunto”.

Por fim, o reparador Rafael Medeiros Rosa, da oficina LCN Car, falou sobre as informações disponibilizadas na palestra: “a quantidade de informações técnicas que nos passaram ajuda muito na nossa vivência dentro da oficina. Agregou valor ao meu conhecimento e esclareceu todas as dúvidas que eu tinha.”

CURITIBA

Na capital do estado do Paraná, aconteceu mais uma etapa do ciclo de palestras do Programa Rota do Reparador, que contou com um grande público. Assim como em Porto Alegre, os participantes puderam acompanhar o treinamento realizado pela Shell, com palestras sobre combustíveis e lubrificantes.

SENAI Curitiba

O reparador Frank Uieno, da Auto Elétrica Sol Nascente marcou presença e ficou muito satisfeito com o treinamento realizado: “as duas palestras foram muito úteis, bastante ilustrativa e de bastante aprendizado. Com certeza vou usar esse aprendizado no meu dia a dia na oficina”.

Jean Carlos Ferreira, da Auto Elétrica Jean Car, disse que é sua segunda participação em treinamento de óleos lubrificantes, embora tenha aproveitado ainda mais sua palestra do Programa: “esse treinamento foi ainda mais explicativo, consegui tirar mais dúvidas e adquirir muito conhecimento”. Jean ainda afirmou ter ficado muito satisfeito com as dicas que recebeu para colocar em prática em seu trabalho: “como eu trabalho pouco com combustível, sobre a parte de injeção o palestrante me deu algumas dicas boas. Já na parte de lubrificantes fiquei muito contente em descobrir novas opções de óleos e também ver o nome óleo produzido à base de gás. Esse tipo de evento melhora muito o andamento da oficina”.

O reparador da Moretti Comércio e Serviços de Mecânica Ltda., Otávio Moretti falou sobre a importância da presença dos profissionais nesse tipo de evento: “é sempre esclarecedor, sempre tem muita coisa nova para aprender, por isso é essencial a presença dos profissionais da área em palestras desse tipo”.

Outro profissional que esteve muito satisfeito com o conteúdo fornecido pela Shell foi Pedro Douglas, da Mecânica Diesel Amizade. Pedro citou que é importante passar também o aprendizado desses treinamentos ao consumidor final das oficinas, além de mostrar todo seu contentamento: “hoje aprendi mais um pouco, foi muito importante para meu conhecimento pessoal e profissional. Apesar de não atuar com a área de combustível, foi muito bom expandir minha sabedoria. Já a palestra sobre lubrificante foi essencial, principalmente pela evolução do mercado, com a linha diesel que está chegando e os óleos sintéticos que nós usamos bastante. Amanhã mesmo quero colocar isso em prática”.

Percides Fontana Peres, profissional da Oficina Peres, além de se mostrar satisfeito admitiu indicar as palestras do Programa Rota do Reparador aos demais colegas do setor da reparação: “o treinamento esclarece muitas dúvidas sobre os assuntos, então acho importante cada vez mais aumentar o número de participantes. Com certeza indicarei aos colegas os treinamentos não só da Shell, mas como das demais empresas que participam do programa.”

VITÓRIA

No dia 12 de setembro, os reparadores de Vitória receberam o treinamento da Schaeffler com suas marcas INA e FAG no Centro de Educação e Tecnologia Arivaldo Fontes.

SENAI Vitória

Entre o público presente, esteve Camila Bagatelle, que falou sobre a satisfação em participar da palestra: “É sempre muito importante estar participando e adquirir ainda mais conhecimento, para melhorar a cada dia. Foram passadas informações importantes e úteis sobre a marca, principalmente na parte de embreagem”.
Jeferson Glisolf, da Asa Vila Velha, citou a importância do ciclo de palestras do Rota do Reparador: “esse tipo de evento faz muita falta para o reparador independente. Inclusive se já quiser colocar o meu nome para os próximos treinamentos, pode colocar”, disse o profissional sorrindo.

O reparador da Auto Center Tommasi, Marcos Vinicius, afirmou que a região necessita de mais informações técnicas como as passadas nos treinamentos do Rota do Reparador e ainda disse: “aprendizado nunca é demais”.

PORTO VELHO

No dia 14, os reparadores independentes de Porto Velho tiveram a oportunidade de receber mais um treinamento da Schaeffler, através do Programa Rota do Reparador. A empresa apresentou suas marcas INA e FAG. Representando a empresa, Cesar Tersi falou sobre a participação da Schaffler no evento: “é um grande prazer para a Schaeffler participar dessa evolução e trazer informação ao nosso público. Devido à rapidez da tecnologia usada na indústria automobilística, a gente sente que eles precisam desse apoio. Nós buscamos mostrar todo empenho nesse tipo de ação, para que os reparadores não fiquem estagnados e estejam sempre buscando conhecimento de acordo com a evolução do marcado”.

SENAI Porto Velho

Presente no evento, Francisco de Chagas, da Eletro Auto Elétrica, falou: “além dessa palestra, já estive presente na anterior e ambas foram muito importantes para minha carreira”. Francisco também falou sobre a necessidade da região em evento como esse que o Rota do Reparador promove: “por viver aqui nessa região, parece que a gente fica meio esquecido. Seria muito bom se ainda mais empresas lembrassem da gente, como o Programa faz, pois precisamos muito de informação”.
Raimundo Albuquerque, da Torneadora Albuquerque, classificou o evento como essencial para o desenvolvimento do seu trabalho: “por atender diversas oficinas mecânicas necessitando de alguma ferramenta, é muito importante estar acompanhando o desenvolvimento do mercado”. Raimundo ainda pontuou a importância de obter mais informações: “a gente requer informações técnicas, que muitas vezes são fechadas. É importante que elas sejam divulgadas para as oficinas independentes também”.

BELO HORIZONTE

A primeira palestra da segunda quinzena do mês ocorreu na capital do estado de Minas Gerais, com os treinamentos da Tecnomotor e da Elring.

SENAI Belo Horizonte

Edson Leroy, reparador e proprietário da Mecânica Leroy, não mediu esforços para marcar presença no evento e se mostrou muito satisfeito: “é muito importante esse tipo de oportunidade para aprender coisas que fazem falta em nosso dia a dia. Eu considero esse evento tão importante, que já é a 14ª vez que estou participando, sempre em busca de mais conhecimento”.
O reparador do Centro Automotivo Pezão, Walter da Silva, também falou sobre os treinamentos da noite na capital mineira: “por resolver nosso problema de falta de informação, o evento se torna muito importante. É possível aprender muita coisa”.

ARAÇATUBA

Aconteceu no dia 21, no interior de São Paulo, no SENAI Araçatuba, mais uma edição do ciclo de palestras do Programa Rota do Reparador. Na ocasião, as marcas expositoras foram a Delphi e a Chiptronic, levando conhecimento para os reparadores da região.

SENAI Araçatuba

O reparador Danilo Batistela Silva mostrou estar muito satisfeito com a oportunidade dos treinamentos das marcas: “eventos assim agregam muito conhecimento para nossa profissão e melhoram ainda mais a qualidade do serviço da nossa oficina”.

O reparador e proprietário da Auto Mecânica Watanabe, Nelson Watanabe, afirmou ser muito importante para a profissão estar sempre adquirindo novos conhecimentos: “hoje em dia o mercado exige que nós profissionais estejamos sempre atualizados. Todo dia é uma nova informação que surge. O reparador independente sente muita falta de atualização, principalmente das novas tendências e tecnologia”.

CURITIBA

No segundo treinamento do mês para os reparadores independentes da cidade de Curitiba, a Schaeffler foi a palestrante da vez, com o portfólio de produtos das suas marcas INA e FAG no dia 28.

SENAI Curitiba

O reparador da Auto Mecânica Mundial, Victor Hugo Venerio, falou sobre a importância desse tipo de ação para o setor: “é muito importante esse tipo de treinamento que o Rota do Reparador vem nos fornecendo, pois agrega muito valor e conhecimento para o nosso trabalho, além de nos qualificar ainda mais para a execução do serviço no dia a dia. O cliente sempre leva o carro na oficina e busca retirá-lo nas melhores condições possíveis, então qualquer evento como esse pode fazer muita diferença”.

Marcos Rogério Gigliolo, da MRG Motorworks, seguiu a mesma linha do companheiro de profissão e se mostrou muito satisfeito com mais uma etapa do ciclo de palestras em sua cidade: “agregar conhecimento é sempre muito bom, principalmente em um setor que sente tanta falta de mais informações técnicas para sempre estar qualificando ainda mais a execução do serviço”. O reparador ainda garantiu que estará presente nas demais edições do programa e aproveitou para qualificar a marca apresentada. “Sempre que houver esse tipo de oportunidade estarei participando, pois me qualifica ainda mais como pessoa e profissional, além do fato que a marca apresentada é a melhor que temos hoje no mercado”.
Representando a Auto Mecânica Dois Irmãos, o profissional Marco Aurélio do Vale não teve dúvidas quando questionado sobre a importância do evento e o uso do aprendizado no dia a dia em sua oficina. “É de grande valia para nosso conhecimento e posterior utilização na execução do trabalho”, disse o reparador. Marco ainda concluiu dizendo que o profissional do setor tem muita sorte em poder contar com esse tipo de Programa: “eventos como esse fazem muita falta para nós como um todo, mas por sorte temos o Rota, que nos fornece todos ensinamentos sobre esses produtos e nos permite acompanhar a evolução do mercado de reposição”.

Marcos Paulo Andriguetto, reparador da Griff Car Centro Automotivo, marcou presença no evento e não se arrependeu: “é mais uma experiência muito importante não só para mim, mas para toda a empresa. O conhecimento para nós, profissionais, deve ser contínuo, conforme evolui o mercado. Quanto mais informações nós recebemos, melhor é nosso treinamento para receber o cliente e deixá-lo satisfeito.” O profissional ainda afirmou que o conteúdo apresentado atingiu suas expectativas: “a marca presente eu já conhecia, pois é a melhor em questão de mercado, e o conteúdo esteve dentro daquilo que era esperado, muito bom”.

FORTALEZA

Também no dia 28, ao mesmo tempo que os reparadores de Curitiba eram expectadores da palestra da Schaeffler em sua cidade, os profissionais de Fortaleza receberam treinamento da Tecnomotor, encerrando o ciclo do Rota do Reparador no mês de setembro.

SENAI Fortaleza

O profissional Antonio Roberto, da Paulista 900 Auto Serviços, citou a influência do treinamento recebido para sua carreira profissional: “foi muito bom, pois abriu meus olhos para as novas tendências do mercado, para a importância de se reciclar e acima de tudo dar um tratamento ainda melhor para meus clientes. Nós observamos aqui em Fortaleza uma carência muito grande de informações técnicas, então em um oportunidade dessa, nós crescemos em sentido de conhecimento e apresentação de bons resultados.” Antonio ainda completou, não poupando elogios ao Programa que vem crescendo continuamente no setor: “sem sombra de dúvidas participarei das demais edições. Estou muito feliz, porque vocês acrescentam muito em nosso aprendizado e nos estimulam a querer sempre mais, além de incentivar os demais colegas”.
O proprietário da Oficina Davi Car, Davi Souza Silva, esteve presente no treinamento da Tecnomotor e falou sobre: “isso aqui é muito importante para a nossa carreira, pois envolve conhecimento, que é a base para nós reparadores.” Davi também falou sobre as oportunidades que o evento pode dar ao profissional da reparação e sobre sua região em si. “Há a oportunidade de negócio, crescimento, relacionamento com demais profissionais, além de tantas outras chances que esse evento nos proporciona. Nós aqui da região Nordeste precisamos mais da atenção do Sul e Sudeste, principalmente em relação aos fabricantes de peças e equipamentos, informações sobre tecnologias, conselhos de produção e montagem, que são coisas que nós não temos muito acesso. Sentimos muita carência disso por aqui e vocês nos ajudam muito”.

comentários
Avaliar:

Comentários