Loja do Mecânico 960x90


Reparador Diesel - Jorge Matsushima

Mitsubishi All New L200 Triton Sport chega com um toque de requinte, sem abrir mão da força bruta

A família L200 Triton ganha um novo membro, que conta com design exclusivo, e importantes evoluções tecnológicas como o novo motor 2.4 turbo diesel feito todo em alumínio

Foto 1Destinadas a um público de alto poder aquisitivo, as modernas picapes precisam aliar uma grande capacidade de movimentação de carga, capacidade off road para transpor terrenos e obstáculos difíceis, mas tudo aliado ao conforto e desempenho de um SUV Premium. Em sua quinta geração, a denominada All New L200 Triton Sport é a resposta da Mitsubishi do Brasil a esta demanda.

Produzida na unidade fabril de Catalão-GO, a nova L200 Triton Sport (foto 1) será oferecida em 3 versões, a L200 Sport GLS (R$ 131.990,00), L200 Sport HPE (R$ 164.990,00) e L200 Sport HPE Top (R$ 174.990,00). Segundo a montadora, o projeto foi concebido sob o conceito Ultimate Sport Utility Truck, com estilo dinâmico e atlético, proporcionando esportividade, versatilidade de uso e prazer ao dirigir. 

A nova linha chega para complementar a família L200 Triton, que continua a ser comercializada no Brasil nas versões: L200 Triton Savana MT/AT, L200 Triton Outdoor AT, L200 Triton GLX, L200 Triton 2.4 Flex Outdoor e L200 Triton GL. No total, são nove versões que atendem a todas as faixas de clientes.

DESIGN

O conceito “All New” não é apenas uma força de expressão, a começar pelo novo desenho da carroceria e caçamba, além de detalhes na frente, traseira e laterais. O elemento de estilo “J Line”, que é a linha curva que demarca a separação entre a cabine e caçamba (foto 2), e se tornou uma marca inconfundível da Triton, permanece nesta versão. Além da questão estética, esta curvatura tem um importante papel que concilia um melhor aproveitamento do espaço interno, e permite uma redução na distância entre-eixos, o que favorece a dirigibilidade e capacidade de manobra.

Foto 2
Além da preocupação com a eficiência aerodinâmica, o novo design procura realçar os aspectos de força, robustez e esportividade, e o toque de requinte fica por conta dos elementos de acabamento e sinalização, com destaque para nova grade, faróis bi xênon com DRL (led diurno), maçanetas cromadas, espelhos retrovisores com rebatimento elétrico, câmera de ré e brake light incorporados na tampa traseira.

O desenho do capô e das palhetas do limpador privilegiam o campo de visão, e o posicionamento da coluna A e retrovisores minimizam a ocorrência de pontos cegos.

CONFORTO

Internamente (foto 3) a L200 Sport não fica nada a dever às melhores SUVs do mercado. Bancos em couro, materiais suaves ao toque, linhas harmoniosas e uma combinação de tonalidades entre o preto, cinza e detalhes cromados, proporcionam um ambiente sofisticado e esportivo. O condutor tem à disposição uma série de regulagens elétricas no banco somados ao volante escamoteável para conseguir a melhor posição de condução, contando ainda com bom espaço livre para os braços, pernas e cabeça.

O volante possui comandos de áudio, cruise control e acesso ao telefone por bluetooth. Com o Keyless Operation System, é possível travar e destravar as portas sem o uso da chave. E, para dar partida no motor, basta pressionar um botão.

Os passageiros do banco de trás não ficam espremidos, e a inclinação do encosto que acompanha a “J Line” proporciona muito conforto.

São muitos os elementos que se preocupam com a funcionalidade, praticidade e conforto dos ocupantes, tais como ar-condicionado digital dual zone, sistema multimídia Power Touch com tela de 7”, botão Start/Stop para partida sem chave, piloto automático, câmera de ré e sensores de chuva, luminosidade e estacionamento, 16 porta-objetos, 11 luzes de cortesia e console de teto, entre outros.

SEGURANÇA

No quesito segurança, a All New L200 Triton Sport oferece um pacote completo, que inclui 9 airbags (frontais, laterais, cortina e joelho do motorista) e cintos dianteiros pré-tensionados e auto-ajustáveis. 

O sistema de freios conta com os recursos de ABS (antibloqueio), EBD (distribuição eletrônica de forças), BAS (assistente de frenagem), o BOS (Brake Override System), que monitora constantemente os sinais do freio e acelerador, e o ESS (Emergency Stop Signal), uma sinalização de frenagem de emergência. 

A nova L200 Sport conta ainda com controle de tração e estabilidade (ATSC), Controle de Estabilidade (ASC), Controle de Tração (ATC), assistente de partida em rampa (HSA - Hill Start Assist), e o exclusivo TSA (Trailer Stability Assist), que estabiliza o conjunto roboque/veículo. 

MOTOR 2.4 4N15 16V DOHC MIVEC

Segundo a montadora, a All New L200 Triton Sport é a primeira picape nacional a utilizar um motor (foto 4) totalmente produzido em alumínio, ou seja, bloco, cabeçote e cárter, que a tornou 30 quilos mais leve que a anterior. O pacote técnico inclui alimentação com turbocompressor de geometria variável VGT, intercooler, taxa de compressão reduzida, coletor de admissão com fluxo variável, injeção direta Common Rail com múltiplas injeções (até 9 por ciclo), o consagrado sistema MIVEC, que é o variador de fase nos comandos de admissão e escape, e o sistema EGR (recirculação dos gases de escapamento) com trocador de calor. 

Dados Técnicos

Cilindrada

2.442 cm³

Curso x Diâmetr

86,0 x 105,1 mm

Nº cilindros

4 em linha

Nº válvulas

16

Taxa de compressão

15,5:1

Potência

190 cv a 3.500 rpm

Torque

43,9 kgf.m
a 2.500 rpm

 

Foto 4 

Esta combinação de downsizing e tecnologia de ponta aplicada pelo departamento de engenharia culminou em um motor com elevado torque em baixas rotações, alta potência, e eficiência energética com baixo consumo e redução na emissão de poluentes, a ponto de dispensar a necessidade do filtro de material particulado, conhecido como DPF. Esta é um diferencial importante em relação aos concorrentes diretos que utilizam motores Diesel Euro V, pois em uso estritamente urbano, este componente, o DPF, fica saturado de fuligem e precisa passar por um processo de regeneração. No caso da nova L200 Sport, o condutor não precisa se preocupar, pois ela é equipada apenas com um catalisador diesel (foto 5), que dispensa este procedimento.

Foto 5
TRANSMISSÃO

A versão Triton Sport GLS conta com transmissão mecânica de 6 velocidades, e as versões Sport HPE e Sport HPE Top contam com transmissão automática de 5 velocidades (foto 6). Acoplado à caixa, está o sistema de tração Super Select II, acionado por um seletor giratório no console central (foto 7), e que conta com 4 opções conforme o tipo de terreno: 

Foto 6 e 7
- 2H ou 4x2, ideal para uso urbano e em rodovias; 

- 4H ou 4x4 sem bloqueio de diferencial, para uso em asfalto molhado, estradas sinuosas ou off road moderado;

- 4HLc ou 4x4 com bloqueio do diferencial central, indicado para uso off road;

- 4LLc ou 4x4 com reduzida e bloqueio do diferencial central e traseiro, que permite transpor obstáculos difíceis que deixam alguma roda suspensa (foto 8), como valetas transversais, rampas diagonais e terrenos com erosão.

Foto 8
Outro interessante recurso para as versões automáticas é a presença de padle shifters (borboletas)  no volante, que permitem a troca manual de marchas.

SUSPENSÃO, FREIO E DIREÇÃO 

A nova Suspensão SDS II tem barra estabilizadora expandida, molas helicoidais progressivas e mais rígidas e amortecedores hidráulicos recalibrados. A dianteira (foto 9) é independente, do tipo double wishbone com braços triangulares duplos, e na traseira, eixo rígido e molas semielípticas alongadas que permitem uma melhor combinação de conforto e capacidade de carga.

Foto 9 e 10
Os freios são a disco (16”) na dianteira, tambor na traseira e o freio de serviço manual tem acionamento por cabo. A direção tem assistência hidráulica.

As rodas são de liga leve, aro 16” x 7”, e os pneus de uso misto tem medida 265/70 R16 (foto 10).

CARROCERIA E CAÇAMBA

Todo o projeto estrutural da nova geração da L200 Triton Sport é baseado no conceito RISE, que utiliza avançadas tecnologias computacionais, gerando um chassi que combina alto índice de absorção de impacto e grande rigidez estrutural, e a carroceria recebeu uma proteção extra com a aplicação de diversos tipos de chapas com diferentes níveis de resistência (foto 11), e outras soluções pontuais que resultam em redução da transferência de vibrações e ruídos para a cabine, maior resistência à deformação e quebras por fadiga, aumento da rigidez à torção e flexão, maior resistência à corrosão, e principalmente na capacidade de proteger e manter a integridade dos ocupantes em caso de acidentes.

Foto 11
A caçamba foi projetada não apenas para suportar todo o peso e movimentação da carga contida, e para aumentar a sua rigidez estrutural recebeu diversos reforços como barras transversais no assoalho ligadas longitudinalmente estre si, formado um frame mais resistente. Entre o chassi e a caçamba existe ainda um sub-chassi, que melhora a fixação e contribui com o aumento da rigidez global do veículo.

A tampa traseira tem um desenho que facilita o acesso à caçamba, e conta com dobradiças instaladas no ponto posterior do centro de gravidade, evitando que a abertura acidental ou repentina provoque acidentes.

A capacidade de carga é de 1.075 kg, e as dimensões são satisfatórias para uma picape cabine dupla (foto 12).

Foto 12
DESEMPENHO ON ROAD

Na pista (foto 13), o comportamento da All New L200 Triton Sport é consistente, e a dirigibilidade e controle são totais. Acelerações e retomadas contam com o excelente torque de 43,9 kgf.m e a potência de 190 cv. Segundo dados da montadora, a picape vai de zero a 100 km/h em 10,4 segundos.

Foto 13
O comportamento da suspensão é neutro e muito firme, sem maiores oscilações. Os controles de tração e estabilidade atuam com precisão, e ajudam o condutor a manter uma trajetória firme e segura.

Frenagens de emergência, mesmo em curva, não assustam. A direção com assistência hidráulica progressiva responde bem e transmite segurança ao volante.

Na estrada, chama a atenção o conforto acústico e baixo nível de ruído e vibração provenientes do motor diesel 2.4. Percebe-se ainda o bom trabalho aerodinâmico e de vedação das portas que neutraliza a turbulência provocada pelo deslocamento do ar. O coeficiente aerodinâmico é de apenas 0,40. O ruído de rodagem proveniente de pneus, rolamentos e suspensão é baixo e bem aceitável.

Consumo

Sport GLS M-6

Sport HPE/HPE Top A-5

Ciclo urbano

10,1 km/l

9,8 km/l

Ciclo estrada

13,2 km/l

11,8 km/l

Energético

2,38 MJ/km

2,53 MJ/km

Emissões

Poluente

NMHC

0,022 g/km

0,003 g/km

CO

0,028 g/km

0,028 g/km

NOx

0,289 g/km

0,288 g/km

Gás de efeito estufa

CO2

178  g/km

189 g/km

 

DESEMPENHO OF ROAD

A nova L200 Triton Sport traz no DNA toda a experiência 4x4 e tradição vitoriosa da Mitsubishi no mundo off-road, e sem comprometer o conforto de seus ocupantes consegue transpor os mais desafiadores obstáculos, mesmo em condições extremas. Eis alguns números de suas capacidades:

Ângulo de entrada

30°

Ângulo de saída

22°

Ângulo de rampa

26°

Inclinação lateral

45°

Altura livre do solo

220 mm

Travessia com água

600 mm

Subida em rampa

35° (70%)


Uma importante função derivada desta vivência off-road é o dissipador de água em trechos alagados, por meio do qual o ‘spray’ formado é projetado para as laterais, e não para o para-brisa, preservando a visão do motorista (foto 14).

Foto 14
Mesmo nas condições mais críticas de uso, o conforto interno se destaca, e é perceptível a rigidez estrutural do conjunto.

CONSUMO E EMISSÕES DE POLUENTES

Segundo dados apurados pelo Inmetro dentro do PBEV 2016 (Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular), a nova L200 Triton Sport 2.4 turbo diesel obteve os seguintes índices:

MANUTENÇÃO

A Mitsubishi oferece o plano de manutenção programado com custos fixos, denominado MitRevisão. A 1ª, 2ª, 3ª, 5ª e 6ª têm valor estipulado em R$ 790,00 cada, e a 4ª revisão fica em R$ 1.519,00. A garantia de fábrica é de 3 anos.

Quando o veículo atingir uma rodagem mais elevada, alguns itens podem ser apontados como positivos para a questão da manutenção, como a ausência do DPF, fonte de muitos problemas em motores diesel EuroV, e o bloco do motor fundido em alumínio que conta com camisas de aço removíveis que podem ser substituídas, prolongando a vida útil do motor. De negativo, a assistência de direção, que poderia ser elétrica, pois a adotada é hidráulica, mais sujeita a problemas como desgaste de componentes, e eventuais vazamentos de fluido pelas mangueiras e conexões.

comentários
Avaliar:

Comentários