Pitstop - da redação

Tata Motors pretende lançar carro de R$ 4.800

Projeto gerou demissão de executivo, e segue nos planos da montadora

Quando prometeu lançar o que seria o carro mais barato do mundo, a Tata teve as atenções do mundo automotivo viradas a ela. O projeto era de um carro que custaria até 100 mil rúpias, equivalente a cerca de R$ 4.800. Em seguida a marca apresentou o Nano, que ficou por muito tempo com o posto de mais barato, mas que mesmo assim teve fracasso comercial. Nesta semana, o CEO do Grupo Tata, Cyrus Mistry, foi demitido por discordar de uma série de ideias, entre elas a nova geração do Nano. Em carta, ele afirma que o Nano sempre foi deficitário e que o único motivo que leva a marca a produzi-lo é o forte apelo emocional. Isso causou um problema junto ao conselho administrativo do Grupo e Ratan Tata, o patriarca da família, teve que voltar a ser o presidente da companhia aos 78 anos.

comentários
Avaliar:

Comentários