Loja do Mecânico 960x90


Direto do Fórum - Da Redação

Diagnóstico Automotivo Avançado XIV – Leitura de sensor de oxigênio

om a ajuda de um osciloscópio automotivo, através da leitura dos sinais da sonda lambda é possível identificar falhas de combustão que causam momentaneamente uma queda no sinal durante a onda positiva da mesma

Defeito: Falhas de combustão no motor (Foto 1), conhecidas como “Misfire”, podem ser provocadas por causas distintas, mas os equipamentos de diagnóstico tradicionais não costumam apontar qual a origem exata desta falha. A pergunta é: existem formas eficientes para distinguir as diferentes causas?  

Foto 1
Diagnóstico:
Com a ajuda de um osciloscópio automotivo, através da leitura dos sinais da sonda lambda é possível identificar falhas de combustão que causam momentaneamente uma queda no sinal durante a onda positiva da mesma. Comparando os ciclos com uma referência de ignição, é possível descobrir onde está o erro.

Solução: No próximo gráfico (Foto 2), pode-se notar a regularidade com que a sonda identifica a passagem de oxigênio não queimado. 

Foto 2
Já no outro gráfico (foto 3), é possível visualizar a irregularidade no sinal da sonda lambda causada pela falta de isolação nos componentes da ignição, também conhecida como “fugas de corrente”. Nestes caso o sinal sofre pequenas ondulações com tendência positiva.

Foto 3
Isso mostra a importância de se conhecer estas particularidades para não confundir os dois fenômenos, pois no primeiro exemplo a identificação é de falha de combustão, em que sobrou oxigênio (não queimado), e no segundo, o sistema de ignição está com seus isolantes comprometidos. Nos dois casos, fica evidente a importância do uso de um bom osciloscópio.

 

comentários
Avaliar:

Comentários